Releitura de Onassis

Li ONASSIS, Vida, Época e Amores de Aristóteles Socrates Onassis já faz muito tempo, eu devia ter cerca de 17, 18 anos e ele, desde então, fez parte do rol de meus livros preferidos.

Conta a história do armador Grego que na decada de 50, 60 e parte da de 70 foi o homem mais rico do mundo, mais rico ao ponto de ser o maior acionista do Pricipado de Mônaco.

Eu gostei muito desta biografia pois tem várias lições, do tipo: 1) Com foco e perseverança você consegue; 2) Dinheiro não é tudo na vida e traz também muita infelicidade; 3)Você deve ter um ambiente de colaboração (seja ela de amigos ou funcionários) que hoje é tão comum com a Internet, mas naquela epoca não era, para que você possa focar naquilo que é mais importante.

Realmente recomendo a leitura.

ONASSIS

Titulo original: The Life and Times of Aritotle Socrates Onassis (Vida, Época e Amores de Aristóteles Sócrates Onassis)
Escritor: Peter Evans
Editora: Best Seller

ISBN: 8585091533
Formato lido: Papel
380 páginas em Português

Sinopse: Toda a trajetória do ex-vendedor de cigarros que acumulou fortuna, a natureza de seus negócios, a extensão de seu poder, os detalhes de suas ligações com Maria Callas e Jacqueline Kennedy.

Para escrever a mais completa biografia do magnata e armador grego, que lhe tomou dezenove anos de pesquisas, o autor entrevistou todo círculo de amigos íntimos ou de antigas amantes como Ingeborg Dedichen, primeira paixão de Onassis.

O livro traz desde alusões a cartas e documentos pessoais até um apanhado do contexto político-social da Grécia. E, desvencilhando-se da imagem convencional do playboy milionário, patrono de memoráveis festas, a bordo do iate Cristina, Peter Evans chega ao retrato de um ser complexo, às vezes generoso, às vezes tão ciumento de seus bens que mandava espionar a própria família; um homem capaz de encantar rainhas e também de pagar por uma noite de amor com Evita Péron.

O que achei do livro: Fui capaz de ler as 380 páginas deste livro em apenas 1 dia, em uma tacada só, de tão interessante e envolvente a trama que Peter Evans conseguiu passar. Nem parece biografia e sim um romance ou aventura.
É uma pena que as editoras não lancem no Brasil os outros livros sobre a vida de Onassis.